Hello...

Benvindos, Welcome, приветствие, Benvenuti, Bienvenue, Bienvenidos...to Texto Original!!

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

ACROSS THE UNIVERSE - Lennon/ McCartney


Em memória dos 30 anos sem John Lennon, aqui vai, uma tradução de um caro amigo e talentoso tradutor e intérprete , Juliano Costa, (fã incondicional dos Beatles),  da música Across the Universe, escrita pela parceria Lennon/McCartney, primeiramente gravada em 4 de Fevereiro de 1968 no Abbey Road Studios e ouvida no álbum entitulado No One's Gonna Change Our World de Dezembro de 1969, e posteriormente no álbum Let It Be, de 8 de Maio de 1970. Valeu a contribuição Juliano!!


Across the Universe (Lennon/ McCartney)

Words are flowing out like endless rain into a paper cup,
They slither while they pass they slip away across the universe.
Pools of sorrow, waves of joy are drifting through my opened mind,
Possessing and caressing me.

Jai guru deva, Om.

Nothing's gonna change my world,
Nothing's gonna change my world,
Nothing's gonna change my world,
Nothing's gonna change my world.

Images of broken light which dance before me like a million eyes,
They call me on and on across the universe.
Thoughts meander like a restless wind inside a letter box,
They tumble blindly as they make their way across the universe

Jai guru deva, Om.

Nothing's gonna change my world,
Nothing's gonna change my world,
Nothing's gonna change my world,
Nothing's gonna change my world.

Sounds of laughter, shades of life are ringing through my opened ears,
Inciting and inviting me.
Limitless undying love, which shines around me like a million suns,
And calls me on and on across the universe.

Jai guru deva, Om.

   
Através do universo

Palavras estão caindo como chuva interminável em um copo de papel
Elas correm desaparecendo enquanto passam através do universo
Poças de tristeza, ondas de alegria estão movendo-se pela minha mente aberta
Me possuindo e acariciando.

Longa vida ao guru Deva
Nada vai mudar meu mundo (4x)

Imagens de luzes intermitentes que dançam ante mim como milhões de olhos
Elas me chamam e chamam através do universo
Pensamentos serpenteiam como o vento incansável sobre a caixa de correio
Eles tombam cegamente enquanto seguem seu caminho através do universo.

Longa vida ao guru Deva
Nada vai mudar meu mundo (4x)

Sons de gargalhadas, sombras da vida,
estão retumbando através dos meus ouvidos abertos
Me incitando e convidando
O amor imortal e sem limites que brilha ao meu redor como milhões de sóis.
Me chamam e chamam através do universo.

Longa vida ao guru Deva
Nada vai mudar meu mundo (4x)

Across the Universe (Lennon/ McCartney)
Tradução e adaptação Juliano Costa, tradutor e especialista.


Nenhum comentário: